Quarta-feira, 2 de Novembro de 2005

Informática: o Worm

Um Worm em computação é um programa auto-replicante, semelhante a um vírus. O vírus infecta um programa e necessita deste programa hospedeiro para se propagar, o worm é um programa completo e não precisa de outro programa para se propagar.

O primeiro worm que atraiu grande atenção foi o Morris worm, escrito por Robert Tappan Morris, Jr. no Laboratório de Inteligência artificial do MIT. Ele foi iniciado em 2 de Novembro de 1988, e rapidamente infectou um grande número de computadores pela Internet. Ele propagou-se através de uma série de erros no BSD Unix e seus similares. Morris foi condenado a prestar 3 anos de serviços à comunidade e a pagar uma multa de US$10.000.

Além da replicação, um worm pode ser projectado para fazer muitas coisas, como apagar arquivos num sistema ou enviar documentos por e-mail. O worm pode trazer embutido programas que geram algum tipo de problema ou que tornam o computador infectado vulnerável a outros ataques. Um worm pode provocar danos apenas com o tráfego de rede gerado pela sua reprodução. O Mydoom, por exemplo, causou uma lentidão generalizada na Internet no pico de seu ataque.

Os worms Sobig e Mydoom instalaram backdoors (brechas) nos computadores tornando-os abertos a ataques via Internet. Estes computadores zumbis são utilizados por enviadores de Spam para enviar e-mail ou para atacar endereços de sites da Internet.

Acredita-se que enviadores de Spam são capazes de pagar para a criação desses worms
, e criadores de worms já foram pagos vendendo listas de endereços IP de máquinas infectadas.

Outros tentam afectar empresas com ataques DDOS propositados. As brechas podem também ser exploradas por outros worms, como o Doomjuice, que se espalha utilizando uma brecha aberta pelo Mydoom.

Os worms podem ser úteis: a família de worms Nachi, por exemplo, tentava buscar e instalar patches do site da Microsoft para corrigir diversas vulnerabilidades no sistema (as mesmas vulnerabilidades que eles exploravam). Isto eventualmente torna os sistema atingidos mais seguros, mas gera um tráfico na rede considerável — frequentemente maior que o dos worms que eles estão protegendo — causam reboots (1) da máquina no processo de aplicar o patch, e talvez o mais importante, fazem o seu trabalho sem a permissão do usuário do computador. Por isto, muitos especialistas de segurança desprezam os worms, independentemente do que eles fazem.

(1) - Reboot é o processo de inicialização do
computador que carrega o sistema operacional quando ligamos o mesmo.
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.



É por isso muito conveniente  ter algumas cautelas adicionais e aplicar as regras básicas do envio e recebimento de e-mail's, tratamento dos mesmos, antivírus actualizado diariamente, programas anti-spywares....  

Em resumo: 


Proteger o computador...
...para tentar minimizar os problemas...
Publicado por: Praia da Claridade às 23:30
Link do post | comentar

FILIPE FREITAS

Pesquisar neste blog

 

Os 50 Artigos mais Recentes

Batalha da Roliça

Revolução dos Cravos

Massacre de Lisboa de 150...

O Alasca foi vendido

Páscoa: este ano é muito ...

Feliz Dia de São Valentim...

Padre António Vieira

Centenário do Regicídio d...

Descoberta da Vacina

Daguerreótipo

Feliz Ano de 2008 !

Lua Azul

Fossa das Marianas

Flor-do-Natal

Calçada da Fama

Beatriz Costa

Frank Sinatra

Tubarão-touro

Miguel de Vasconcelos

Restauração da Independên...

Egas Moniz

Maiores campos de gelo e ...

Tumba de Herodes

A Bela Adormecida na Figu...

Bola de ténis

Qual a cidade mais fria d...

Tautologia

O maior grupo de lagos de...

Macaronésia

Chuva de estrelas

Erupções vulcânicas

Lenda de São Martinho

Mário Viegas

Muro de Berlim

Libelinha

Castanhas

Falha de Santo André

Quinze anos ao telemóvel

Fotografia Aérea com Papa...

Chuva de animais

Pseudo-fruto

Elevador da Glória

1.º avião do mundo

Maçã

Funicular

Amistad

Turbante

O primeiro satélite artif...

José Hermano Saraiva

Masseiras

Arquivos Mensais

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Temas

acidentes

açores

actores

alimentação

ambiente

animais

arquitectura

artes

astrologia

astronáutica

astronomia

aves

aviação

brasil

cantinhos de portugal

cantores

capitais

ciências ocultas

civilizações

crustáceos

culinária

curiosidades

desportos

electrónica

energia

fenómenos

festividades

figueira da foz

filosofia

geografia

guerra

história de portugal

história mundial

humor

informática

insectos

lazer

lisboa

literatura

locais sagrados

madeira

máquinas

mar

medicina

medicina natural

mistérios

monumentos

música

natureza

oceanos

palácios

peixes

pensamentos

pessoas célebres

poemas

poetas

religião

relíquias

rios

saúde

superstições

tecnologias

tradições

transportes

turismo

união europeia

todas as tags