Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PRAIA DA CLARIDADE

Figueira da Foz - Portugal

PRAIA DA CLARIDADE

Figueira da Foz - Portugal

28
Dez05

A Reencarnação

Praia da Claridade

A reencarnação, ou transmigração das almas é uma ideia religiosa segundo a qual uma parte de um ser, distinta do corpo, o seu espírito ou alma, pode ligar-se a um novo corpo após a morte. A reencarnação pressupõe que os seres vivos são constituídos por duas partes, o corpo e o espírito, e que o espírito sobrevive ao corpo e pode ligar-se a outro corpo após a morte do corpo a que se encontrava inicialmente ligado. O espírito seria a parte do ser vivo que contém a sua personalidade. Segundo alguns crentes, a religação de um espírito a um novo corpo ocorre no momento em que o óvulo é fertilizado.

A reencarnação é uma das bases centrais do espiritismo de Allan Kardec, mas também faz parte do sistema de crenças de várias religiões como o hinduísmo e o jainismo. É uma crença popular entre muitos cristãos (especialmente entre católicos brasileiros), embora o cristianismo em si não a admita.

Há referência a conceitos que lembram a reencarnação na maior parte das religiões, incluindo religiões do Egipto Antigo, religiões indígenas, entre outras. A crença na reencarnação também é parte da cultura popular ocidental, e sua representação é frequente em filmes de Hollywood. É comum no Ocidente a ideia de que o budismo também pregue a reencarnação, embora na visão budista não é aceite a concepção de uma alma individual que passa de um corpo a outro, dando preferência à noção de renascimento.

Segundo o ensinamento budista há um ciclo de mortes e renascimentos para os seres vivos. Esse ciclo pode e deve ser transcendido por meio da prática do Nobre Caminho Óctuplo.

Algumas fontes, principalmente advindas da Teosofia, atribuem a esses renascimentos características similares à da reencarnação, e a palavra reencarnação é inclusive usada com frequência para se referir aos renascimentos. No entanto é geralmente aceite pelos instrutores budistas actuais que, em vista das doutrinas budistas de Anatta (não-eu) e Anicca (impermanência) que reencarnação é de facto um conceito incompatível com o ensinamento budista. O renascimento (ou emanação) descrito pelo budismo é em vez disso uma herança de agregados mentais impermanentes, não de uma verdadeira identidade permanente.

Os cépticos consideram a reencarnação como uma mera hipótese que até ao momento não foi provada por evidências incontestáveis.


Origens da crença na reencarnação

A doutrina da reencarnação tem as suas origens nos primórdios da humanidade, nas culturas primitivas. De acordo com alguns estudiosos, a ideia desenvolveu-se de duas crenças comuns:  1- que os humanos têm alma, que pode ser separada de seu corpo, temporariamente no sono, e permanentemente na morte;  2- que almas podem ser transferidas de um organismo para outro.

Alternativamente, alguns consideram a reencarnação como um fenómeno (e não simplesmente uma crença) que vem ocorrendo ao longo da história, e que tem sido descoberto e redescoberto tanto por sociedades primitivas quanto avançadas. Destaca-se o trabalho do Dr. Ian Stevenson da Universidade de Virgínia, Estados Unidos, que recolheu dados sobre mais de 2.000 casos suspeitos por todo o mundo. Em Sri Lanka os resultados foram bem expressivos.

Os relatos de vidas passadas costuma surgir com aproximadamente 2 anos, desaparecendo com o desenvolvimento do cérebro. Uma constante aparece na proximidade familiar, embora haja casos sem nenhum relacionamento étnico ou cultural. Mortes na infância, de forma violenta, aparentam ser mais relatadas. A repressão para proteger a criança ou a ignorância do assunto faz com que sinais que indiquem um caso suspeito normalmente sejam esquecidos ou escondidos.

Influências comportamentais (fragmentos de algum idioma, fobias, depressões...) podem surgir, porém afirmar alguma relação com encarnações passadas sempre carece de fundamentação científica consistente.
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D