Quarta-feira, 28 de Dezembro de 2005

A Reencarnação


A reencarnação, ou transmigração das almas é uma ideia religiosa segundo a qual uma parte de um ser, distinta do corpo, o seu espírito ou alma, pode ligar-se a um novo corpo após a morte. A reencarnação pressupõe que os seres vivos são constituídos por duas partes, o corpo e o espírito, e que o espírito sobrevive ao corpo e pode ligar-se a outro corpo após a morte do corpo a que se encontrava inicialmente ligado. O espírito seria a parte do ser vivo que contém a sua personalidade. Segundo alguns crentes, a religação de um espírito a um novo corpo ocorre no momento em que o óvulo é fertilizado.

A reencarnação é uma das bases centrais do espiritismo de Allan Kardec, mas também faz parte do sistema de crenças de várias religiões como o hinduísmo e o jainismo. É uma crença popular entre muitos cristãos (especialmente entre católicos brasileiros), embora o cristianismo em si não a admita.

Há referência a conceitos que lembram a reencarnação na maior parte das religiões, incluindo religiões do Egipto Antigo, religiões indígenas, entre outras. A crença na reencarnação também é parte da cultura popular ocidental, e sua representação é frequente em filmes de Hollywood. É comum no Ocidente a ideia de que o budismo também pregue a reencarnação, embora na visão budista não é aceite a concepção de uma alma individual que passa de um corpo a outro, dando preferência à noção de renascimento.

Segundo o ensinamento budista há um ciclo de mortes e renascimentos para os seres vivos. Esse ciclo pode e deve ser transcendido por meio da prática do Nobre Caminho Óctuplo.

Algumas fontes, principalmente advindas da Teosofia, atribuem a esses renascimentos características similares à da reencarnação, e a palavra reencarnação é inclusive usada com frequência para se referir aos renascimentos. No entanto é geralmente aceite pelos instrutores budistas actuais que, em vista das doutrinas budistas de Anatta (não-eu) e Anicca (impermanência) que reencarnação é de facto um conceito incompatível com o ensinamento budista. O renascimento (ou emanação) descrito pelo budismo é em vez disso uma herança de agregados mentais impermanentes, não de uma verdadeira identidade permanente.

Os cépticos consideram a reencarnação como uma mera hipótese que até ao momento não foi provada por evidências incontestáveis.


Origens da crença na reencarnação

A doutrina da reencarnação tem as suas origens nos primórdios da humanidade, nas culturas primitivas. De acordo com alguns estudiosos, a ideia desenvolveu-se de duas crenças comuns:  1- que os humanos têm alma, que pode ser separada de seu corpo, temporariamente no sono, e permanentemente na morte;  2- que almas podem ser transferidas de um organismo para outro.

Alternativamente, alguns consideram a reencarnação como um fenómeno (e não simplesmente uma crença) que vem ocorrendo ao longo da história, e que tem sido descoberto e redescoberto tanto por sociedades primitivas quanto avançadas. Destaca-se o trabalho do Dr. Ian Stevenson da Universidade de Virgínia, Estados Unidos, que recolheu dados sobre mais de 2.000 casos suspeitos por todo o mundo. Em Sri Lanka os resultados foram bem expressivos.

Os relatos de vidas passadas costuma surgir com aproximadamente 2 anos, desaparecendo com o desenvolvimento do cérebro. Uma constante aparece na proximidade familiar, embora haja casos sem nenhum relacionamento étnico ou cultural. Mortes na infância, de forma violenta, aparentam ser mais relatadas. A repressão para proteger a criança ou a ignorância do assunto faz com que sinais que indiquem um caso suspeito normalmente sejam esquecidos ou escondidos.

Influências comportamentais (fragmentos de algum idioma, fobias, depressões...) podem surgir, porém afirmar alguma relação com encarnações passadas sempre carece de fundamentação científica consistente.
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Publicado por: Praia da Claridade às 00:07
Link do post | comentar
1 comentário:
De Anónimo a 28 de Dezembro de 2005 às 09:42
...Estava no Turismo e tinha q tocar isto pelo menos 10x por dia. Estava na moda e... eu tinha 17 anos. Refiro-me, obviamente, ao "Only you"
Um abraço.- (Já tem o dito cujo?)
Vô-Zé
</a>
(mailto:martins-ze@sapo.pt)


Comentar Artigo

FILIPE FREITAS

Pesquisar neste blog

 

Os 50 Artigos mais Recentes

Batalha da Roliça

Revolução dos Cravos

Massacre de Lisboa de 150...

O Alasca foi vendido

Páscoa: este ano é muito ...

Feliz Dia de São Valentim...

Padre António Vieira

Centenário do Regicídio d...

Descoberta da Vacina

Daguerreótipo

Feliz Ano de 2008 !

Lua Azul

Fossa das Marianas

Flor-do-Natal

Calçada da Fama

Beatriz Costa

Frank Sinatra

Tubarão-touro

Miguel de Vasconcelos

Restauração da Independên...

Egas Moniz

Maiores campos de gelo e ...

Tumba de Herodes

A Bela Adormecida na Figu...

Bola de ténis

Qual a cidade mais fria d...

Tautologia

O maior grupo de lagos de...

Macaronésia

Chuva de estrelas

Erupções vulcânicas

Lenda de São Martinho

Mário Viegas

Muro de Berlim

Libelinha

Castanhas

Falha de Santo André

Quinze anos ao telemóvel

Fotografia Aérea com Papa...

Chuva de animais

Pseudo-fruto

Elevador da Glória

1.º avião do mundo

Maçã

Funicular

Amistad

Turbante

O primeiro satélite artif...

José Hermano Saraiva

Masseiras

Arquivos Mensais

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Temas

acidentes

açores

actores

alimentação

ambiente

animais

arquitectura

artes

astrologia

astronáutica

astronomia

aves

aviação

brasil

cantinhos de portugal

cantores

capitais

ciências ocultas

civilizações

crustáceos

culinária

curiosidades

desportos

electrónica

energia

fenómenos

festividades

figueira da foz

filosofia

geografia

guerra

história de portugal

história mundial

humor

informática

insectos

lazer

lisboa

literatura

locais sagrados

madeira

máquinas

mar

medicina

medicina natural

mistérios

monumentos

música

natureza

oceanos

palácios

peixes

pensamentos

pessoas célebres

poemas

poetas

religião

relíquias

rios

saúde

superstições

tecnologias

tradições

transportes

turismo

união europeia

todas as tags