Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

PRAIA DA CLARIDADE

Figueira da Foz - Portugal

PRAIA DA CLARIDADE

Figueira da Foz - Portugal

01
Out06

República Popular da China

Praia da Claridade

 
República Popular da China
 
 
Hong Kong - República Popular da China
 
Hong Kong
 
 
 

A República Popular da China é o terceiro maior Estado do mundo em área (ou o quarto, dependendo de como se contabilizem algumas áreas disputadas com outros países) e o mais populoso do planeta. Ocupa uma parte considerável da Ásia oriental. As suas fronteiras ao Norte são com o Quirguistão, com o Kazaquistão, com a Mongólia e com a Rússia, a Leste com a Coreia do Norte, com o Mar Amarelo (do outro lado do qual se encontra a Coreia do Sul), com o Mar da China Oriental e com o Estreito de Taiwan, que a separa de Taiwan (país que reivindica), a Sul com o Mar da China Meridional, com o Vietname, com o Laos, com Myanmar, com a Índia, com o Butão e com o Nepal e a Oeste com o Paquistão, o Afeganistão e o Tadjiquistão.
 
História
 
A República Popular da China foi fundada em 1 de Outubro de 1949, faz hoje 57 anos, por Mao Tsé-Tung. A partir de então iniciaram-se as reformas. Uma das mais importantes foi a reforma agrária tão requisitada pelos camponeses. E também o restabelecimento da economia.
 
Em 1950, a China alia-se à União Soviética, aliança que duraria cerca de dez anos. Com apoio militar e económico soviético, houve desenvolvimento em áreas sociais.
 
A partir de 1956, uma série de políticas foram adoptadas, sem grande sucesso, como a Campanha das Cem Flores em 1956, e o Grande Salto Adiante de 1958, que pretendia tornar a China uma potência económica em poucos anos.
 
Consequência do fracasso dessas políticas foi o afastamento de Mao Tsé-Tung do poder, e pouco depois conflitos com a aliada URSS.
 
Em 1966, Tsé-Tung com o apoio da Guarda Vermelha e do exército chinês, lança a Grande Revolução Cultural Proletária, que derruba os lideres do Partido, e retoma sua influência sobre o mesmo. Tsé-Tung morre em 1976.
 
Em 1978, o desenvolvimento económico foi colocado como prioridade e uma nova política foi adoptada: a das Quatro Modernizações – indústria, defesa, agricultura, ciência e tecnologia.
 
Em 1982, foi estabelecida a nova Constituição e Li Xiannian foi eleito presidente da República no ano seguinte.
 
Subdivisões
 
A República Popular da China é subdividida em 23 províncias, 5 regiões autónomas, 4 cidades administradas directamente pelo governo central e 2 Regiões Administrativas Especiais.
 
Geografia
 
Com uma área de aproximadamente 9.600.000 km2, a República Popular da China é o terceiro maior país do mundo, tendo uma linha fronteiriça de cerca de 22.000 km. O território chinês no seu conjunto forma uma escadaria colossal que em patamares vem descendo desde os pontos mais altos do Tibete até ao oceano Pacífico. Junto à costa há mais de 3.000 ilhas.
 
A extensão total da fronteira da China com as nações vizinhas totaliza 22.117 km, sendo dividido este número com os seguintes países: Afeganistão (76 km), Butão (470 km), Kazaquistão (1533 km), Coreia do Norte (1416 km), Índia (3380 Km), Laos (423 km), Mianmar (2185 km), Mongólia (4677 km), Nepal (1236 km), Paquistão (523 km), Quirguistão (858 km), Rússia (3645 km), Tajiquistão (414 km) e Vietname (1281 km).
 
Economia
 
A República Popular da China autointitula-se um Estado socialista com sistema económico de socialismo de mercado, o que significa uma economia de mercado onde a iniciativa do Estado se sobrepõe à iniciativa privada. Esse peculiar sistema económico, chamado erroneamente de "capitalismo", tem sido uma das principais causas do acelerado crescimento que a economia chinesa conheceu nas últimas décadas. A economia da China já é a 4ª mais poderosa do planeta (atrás apenas dos EUA, Japão e Alemanha), tendo a maior taxa de crescimento anual entre os países com mais de 100 milhões de habitantes (com a incrível marca de 9% ao ano). A China investe maciçamente em tecnologia e já possui um dos maiores e mais poderosos parques industriais do mundo, com uma produção diversificada que vai muito além das "bugigangas" exportadas pelos chineses por todo o mundo.
 
Demografia
 
A China destaca-se como o país de maior população de todo planeta com 1 bilião e 313 milhões de habitantes (estimativa para Julho de 2006).
 
A economia da China equipara-se a países de 1º mundo, como os Estados Unidos, o Japão e a França, e sua qualidade de vida, pelo método do PIB per capita, compara-se a pequenos e pobres países africanos. Enquanto que as grandes metrópoles chinesas não perdem em nada para cidades como Tóquio e Nova Iorque, a população rural - e a maioria absoluta da população concentra-se no campo - vive em condições de miséria totais, em alguns casos vivendo em condições idênticas a centenas de anos.
 
A população dos grandes centros (onde a população das cidades chega às cifras dos milhões) vivem razoavelmente bem. O mesmo não se verifica nas áreas rurais.
 
A China possuí muitas das cidades que se destacam entre as maiores do planeta, sendo possível encontrar cidades do interior do tamanho de São Paulo (a maior cidade da América do Sul com 10.677.019 habitantes em 2000, e que forma junto às suas cidades vizinhas a 4ª maior Região Metropolitana do mundo com 18,3 milhões de habitantes, ficando atrás apenas de Tóquio, Cidade do México e Nova Iorque).
 
Entre elas podemos citar:
 
Xangai  - região metropolitana: 12.887.000 em 2000; cidade: 9.537.000 em 1998;
Pequim (capital) - também chamada de Beijing - região metropolitana: 10.839.000 em 2000; cidade: 7.336.000 em 1998;
Tianjin  - 9.156.000;
Wuhan  - 5.169.000;
Chongqing  - 4.900.000;
Shenyang  - 4.828.000;
Guangzou (Cantão)  - 3.893.000 - (aglomerações urbanas - 2000).

 
O governo da China vem há bastante tempo tomando providências para conter a alta taxa de natalidade do país, sendo que umas das medidas tomadas é a de estimular que os casais tenham apenas 1 filho (excepção ao caso de gémeos), punindo financeiramente aqueles casais que tenham mais filhos, entre outras medidas discriminatórias.
Fonte: Wikipédia.
 
 

Pág. 4/4

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2006
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2005
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D