Segunda-feira, 4 de Julho de 2005

As Amizades...

AMIGO DO BOM TEMPO, MUDA-SE COM O VENTO

"Quem tem um amigo tem um tesouro. É o que dizem os antigos.
É um dito da Bíblia até. É um facto, pois quem não precisa de
um ombro para se apoiar vez por outra na vida ?
Mas ... e os não tão amigos ? Os meio-amigos ? Os falsos amigos ?

Na verdade, será sempre nas horas difíceis que
conheceremos os nossos verdadeiros amigos.
Eles estarão presentes, com sua ternura
e solidariedade incondicional,
enquanto os outros ... Os outros arranjarão desculpas,
como falta de tempo, de recursos, de jeito ...

Um bom amigo é como uma boa árvore, que deve ser
cuidada com carinho e dedicação.
Não que a verdadeira amizade exija alguma coisa para existir,
mas que ela, como tudo o mais na vida,
precisa de algo que a sustente.

É por isso que o abraço, o aperto de mão, a carta, o telefonema
ou mesmo o recado, darão o sustento necessário para que o
campo do amor fraterno não fique nunca ressequido e improdutivo."

( Paulo R. Santos  - Dia a Dia  )

Publicado por: Praia da Claridade às 00:19
Link do post | comentar | ver comentários (4)

Pensamentos...

"A paz continuará a ser precária
enquanto 2 biliões de homens continuarem
mergulhados na miséria, diante dos seus bem nutridos irmãos.
Nada é mais importante do que organizar
- acima das divergências políticas -
a cooperação daqueles a quem nada falta,
para ajudar aos que nada possuem."

( Charles de Gaulle )

"Plante em torno de você as sementes de optimismo e bondade,
para que possa colher amanhã os frutos do amor e da felicidade."


( Carlos Torres Pastorino )
Publicado por: Praia da Claridade às 00:09
Link do post | comentar | ver comentários (1)
Domingo, 3 de Julho de 2005

Pensamentos...


PENSAMENTOS

"Preciso de Alguém Que me olhe nos olhos quando falo.
Que ouça as minhas tristezas e neuroses com paciência.
E, ainda que não compreenda, respeite os meus sentimentos.
Preciso de alguém, que venha brigar ao meu lado sem precisar ser
convocado;
Alguém Amigo o suficiente para dizer-me as verdades que não quero
ouvir, mesmo sabendo que posso odiá-lo por isso.
Nesse mundo de cépticos, preciso de alguém que creia, nessa coisa
misteriosa, desacreditada, quase impossível:
- A Amizade.
Que teime em ser leal, simples e justo, que não vá embora se algum
dia eu perder o meu ouro e não for mais a sensação da festa.
Preciso de um Amigo que receba com gratidão o meu auxílio, a minha
mão estendida.
Mesmo que isto seja muito pouco para suas necessidades.
Preciso de um Amigo que também seja companheiro, nas farras e
pescarias, nas guerras e alegrias, e que no meio da tempestade, grite
em coro comigo:
'Nós ainda vamos rir muito disso tudo' e ria muito.
Não pude escolher aqueles que me trouxeram ao mundo, mas posso
escolher meu Amigo. E nessa busca empenho a minha própria alma, pois
com uma Amizade Verdadeira, a vida se torna mais simples, mais rica e
mais bela ..."

(Sir Charlie Chaplin)
(16 Abril 1889 / 25 Dez 1977

Publicado por: Praia da Claridade às 00:24
Link do post | comentar
Sábado, 2 de Julho de 2005

Curiosidades...

O Sol liberta mais energia num segundo do que tudo que a humanidade já consumiu em toda a sua existência.

Napoleão Bonaparte calculou que as pedras usadas para a construção das pirâmides do Egipto seriam suficientes para construir um enorme muro ao redor da França.

As palavras cruzadas surgiram em 10 de Abril de 1924.

Antes de 1800, os sapatos para os pés direito e esquerdo eram iguais.

Os olhos de um hamster podem cair se você o pendurar de cabeça para baixo.

Rir durante o dia faz com que você durma melhor à noite.
Publicado por: Praia da Claridade às 00:27
Link do post | comentar | ver comentários (1)

Figueira da Foz

Buarcos_Figueira.JPG

Em primeiro plano a Vila de Buarcos.
Ao fundo, do lado direito, a Cidade da Figueira da Foz.
À direita, não visível, o Jardim Infantil, muito bem equipado, adorado pelas crianças.
Esta é a Marginal perfeitamente ligada com as duas localidades.
À esquerda temos a calçada portuguesa que muitas pessoas percorrem a pé, por vários quilómetros, pois vem desde o sopé da Serra da Boa Viagem, com praia e mar à nossa direita, passa pelo Forte de Santa Catarina e ainda vai, junto ao Rio Mondego, até em frente à Câmara Municipal. Talvez perto de 5 quilómetros... uma boa distância para um bom exercício físico, que é aproveitado por muitas pessoas. Resta ainda dizer que entre a Avenida e a zona relvada, à esquerda, junto ao carro preto, em cor de barro, se encontra uma pista de ciclismo, devidamente sinalizada, uma "delícia" não só para crianças mas também para adultos.
Publicado por: Praia da Claridade às 00:20
Link do post | comentar
Sexta-feira, 1 de Julho de 2005

Figueira da Foz

FalesiasCaboMondego.jpg

Figueira da Foz
- Falésias do Cabo Mondego -
Dizem que são as mais bonitas da Península Ibérica
Estrada do "Enforca Cães"
Ao fundo o Farol do Cabo Mondego

Publicado por: Praia da Claridade às 00:18
Link do post | comentar | ver comentários (9)

Amália Rodrigues

Amália Rodrigues  (1920–1999)  foi uma cantora de fado portuguesa, além de ter participado como actriz em alguns filmes.

Nasceu em Lisboa, na Rua Martim Vaz, na freguesia de Pena. Em documentos oficiais, a sua data de nascimento aparece como sendo a 23 de Julho. Amália referia, no entanto, que o seu aniversário era a 1 de Julho  ("no tempo das cerejas").

AmaliaRodrigues.jpg


Tornou-se conhecida mundialmente como a "Rainha do Fado" e, por consequência, devido ao simbolismo que este género musical tem na cultura portuguesa, foi considerada por muitos como uma embaixadora de Portugal.  Aparecia em vários programas de televisão, pelo mundo fora (incluindo Estados Unidos da América)  onde não só cantava fados como música de outras origens (por exemplo, música espanhola).

Bruno de Almeida realizou quatro filmes sobre Amália: "Amália, Live in New York City" (um filme-concerto de 1990 de um espectáculo em Nova Iorque no Town Hall - auditório da cidade),  "Amália - Uma Estranha Forma de Vida"  (um documentário de cinco horas, em formato de série),  "Amália - Expo'98" (a respeito de um dia dedicado a Amália Rodrigues, por ocasião da Exposição Mundial de 1998 em Portugal),  e "A Arte de Amália" (documentário de 90 minutos, pensado para uma audiência internacional, que se estreou no Cinema Quad", em Nova Iorque, em Dezembro de 2000).

A 6 de Outubro de 1999,  Amália Rodrigues morre com 79 anos.  Depois de vários protestos públicos, o seu corpo é trasladado para o Panteão Nacional, em Lisboa, onde repousam apenas personalidades consideradas expoentes máximos da nacionalidade.

O Fado é um estilo musical português. Geralmente é cantado por uma só pessoa (fadista) e acompanhado por viola e guitarra portuguesa. Os temas mais cantados no fado são a saudade, a nostalgia, o ciúme ou as pequenas histórias do quotidiano dos bairros típicos.

A palavra fado vem do latim "fatum",  ou seja, "destino". De origem obscura, terá surgido provavelmente na primeira metade do século XIX. Há quem aponte na sua génese uma síntese de géneros musicais brasileiros, na altura de grande popularidade em Lisboa, como o "lundum" e a "modinha".

A primeira cantadeira de fado de que se tem conhecimento foi Maria Severa.

O Fado de Lisboa

É cantado tipicamente nas "casas de fado" tanto por homens como por mulheres. As melhores casas de fado encontram-se nos bairros típicos de Alfama, Mouraria, Bairro Alto e Madragoa. Tem como característica fundamental o cantar com tristeza e com sentimento, mágoas passadas e presentes, mas também pode contar uma história divertida com ironia. Teve o seu expoente máximo com Amália Rodrigues.
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Publicado por: Praia da Claridade às 00:05
Link do post | comentar

FILIPE FREITAS

Pesquisar neste blog

 

Os 50 Artigos mais Recentes

Batalha da Roliça

Revolução dos Cravos

Massacre de Lisboa de 150...

O Alasca foi vendido

Páscoa: este ano é muito ...

Feliz Dia de São Valentim...

Padre António Vieira

Centenário do Regicídio d...

Descoberta da Vacina

Daguerreótipo

Feliz Ano de 2008 !

Lua Azul

Fossa das Marianas

Flor-do-Natal

Calçada da Fama

Beatriz Costa

Frank Sinatra

Tubarão-touro

Miguel de Vasconcelos

Restauração da Independên...

Egas Moniz

Maiores campos de gelo e ...

Tumba de Herodes

A Bela Adormecida na Figu...

Bola de ténis

Qual a cidade mais fria d...

Tautologia

O maior grupo de lagos de...

Macaronésia

Chuva de estrelas

Erupções vulcânicas

Lenda de São Martinho

Mário Viegas

Muro de Berlim

Libelinha

Castanhas

Falha de Santo André

Quinze anos ao telemóvel

Fotografia Aérea com Papa...

Chuva de animais

Pseudo-fruto

Elevador da Glória

1.º avião do mundo

Maçã

Funicular

Amistad

Turbante

O primeiro satélite artif...

José Hermano Saraiva

Masseiras

Arquivos Mensais

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Temas

acidentes

açores

actores

alimentação

ambiente

animais

arquitectura

artes

astrologia

astronáutica

astronomia

aves

aviação

brasil

cantinhos de portugal

cantores

capitais

ciências ocultas

civilizações

crustáceos

culinária

curiosidades

desportos

electrónica

energia

fenómenos

festividades

figueira da foz

filosofia

geografia

guerra

história de portugal

história mundial

humor

informática

insectos

lazer

lisboa

literatura

locais sagrados

madeira

máquinas

mar

medicina

medicina natural

mistérios

monumentos

música

natureza

oceanos

palácios

peixes

pensamentos

pessoas célebres

poemas

poetas

religião

relíquias

rios

saúde

superstições

tecnologias

tradições

transportes

turismo

união europeia

todas as tags