Quinta-feira, 27 de Abril de 2006

A Joaninha

 
Joaninha
  
  
   

Joaninha é o nome popular de um insecto da família Coccinellidae. Os cocinelídeos possuem corpo semi-esférico, cabeça pequena, patas muito curtas e asas membranosas muito desenvolvidas, protegidas por uma carapaça quitinosa. Há cerca de 4500 espécies dentro deste grupo, distribuídas por 350 géneros, distinguíveis pelos padrões de cores e pintas da carapaça.
 
As joaninhas são predadores no mundo dos insectos e alimentam-se de afídeos (insectos diminutos que se alimentam da seiva de plantas), moscas da fruta e outros tipos de insectos. Uma vez que a maioria das suas presas causa estragos às colheitas e plantações, as joaninhas são consideradas benéficas pelos agricultores.
 
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. 
 
Temas:
Publicado por: Praia da Claridade às 00:09
Link do post | comentar
8 comentários:
De lua branca a 27 de Abril de 2006 às 10:09
Quem disse que a vida é sempre
um mesmo caminho à noite?
uma via de segredos
e outra de chaga aberta?

As coisas que te rodeiam
são menos elas que tu
basta que nasças de novo
e plasmes de novo a vida.



De soaresesilva a 27 de Abril de 2006 às 13:15
Há que anos que não vejo uma joaninha!
Aqui na cidade, mesmo com os prédios rodeados de relva, é muito difícil encontrá-las. Quando era pequena e vivia no campo, as joaninhas faziam a minha delícia.


De José Oliveira a 12 de Março de 2008 às 07:05
Curioso... Acabei de ver milhares e milhares de Joaninhas.
Por isso encontrei este endereço ao fazer uma pesquisa sobre a joaninha.
Não sei de onde vieram mas apareceram da noite para o dia, aqui em Punta del Moral Ayamonte Espanha. Todos os beirais das casas e no centro comercial nas esquinas e reunidas em grupos que variam de 3 a 12 individuos. ...fenomenal...


De Praia da Claridade a 18 de Março de 2008 às 21:20
Agradeço a visita a este meu blog.
Também gostava de ver joaninhas em grande quantidade...


De Sindarin a 27 de Abril de 2006 às 18:10
Olá Amigo? Como vai a saúde? Ai Joaninha voa, voa quem ñ se lembra de as ter na mão e delas abrirem as asitas para voar. Simpáticas e benéficas criaturinhas, sempre vestidas para a festa. Mto giro este teu post. Um grande bj e bom final de semana


De sofiacurvelo a 22 de Abril de 2008 às 15:00
Caro Filipe Freitas,
A fotografia da Libelinha de olhos azuis,
está, absolutamente, fantástica.
Inclusivamente, se não vir inconveniente,
vou usá-la, para decorar a apresentação institucional da emresa onde trabalho
como Directora de Serviço a Clientes,
que tem como símbolo do seu Logotipo uma Libelinha. Um abraço,
e desejo-lhe paz e diversão,
nos seus vários hobbies.
Sofia Curvêlo (Lisboa / sofiacurvelo@live.com.pt).


De Luciana Leão a 21 de Setembro de 2008 às 23:27
Joaninhas lembram minha infância. Elas são lindas. Engraçado, como nunca mais não vejo uma de perto.
Meu filho nunca viu uma ao "vivo e a cores".


De Praia da Claridade a 22 de Setembro de 2008 às 14:16
Agradeço a visita e o comentário ao meu blog. Muito bonitas as joaninhas, até já tive oportunidade de filmar...


Comentar Artigo

FILIPE FREITAS

Pesquisar neste blog

 

Os 50 Artigos mais Recentes

Batalha da Roliça

Revolução dos Cravos

Massacre de Lisboa de 150...

O Alasca foi vendido

Páscoa: este ano é muito ...

Feliz Dia de São Valentim...

Padre António Vieira

Centenário do Regicídio d...

Descoberta da Vacina

Daguerreótipo

Feliz Ano de 2008 !

Lua Azul

Fossa das Marianas

Flor-do-Natal

Calçada da Fama

Beatriz Costa

Frank Sinatra

Tubarão-touro

Miguel de Vasconcelos

Restauração da Independên...

Egas Moniz

Maiores campos de gelo e ...

Tumba de Herodes

A Bela Adormecida na Figu...

Bola de ténis

Qual a cidade mais fria d...

Tautologia

O maior grupo de lagos de...

Macaronésia

Chuva de estrelas

Erupções vulcânicas

Lenda de São Martinho

Mário Viegas

Muro de Berlim

Libelinha

Castanhas

Falha de Santo André

Quinze anos ao telemóvel

Fotografia Aérea com Papa...

Chuva de animais

Pseudo-fruto

Elevador da Glória

1.º avião do mundo

Maçã

Funicular

Amistad

Turbante

O primeiro satélite artif...

José Hermano Saraiva

Masseiras

Arquivos Mensais

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Temas

acidentes

açores

actores

alimentação

ambiente

animais

arquitectura

artes

astrologia

astronáutica

astronomia

aves

aviação

brasil

cantinhos de portugal

cantores

capitais

ciências ocultas

civilizações

crustáceos

culinária

curiosidades

desportos

electrónica

energia

fenómenos

festividades

figueira da foz

filosofia

geografia

guerra

história de portugal

história mundial

humor

informática

insectos

lazer

lisboa

literatura

locais sagrados

madeira

máquinas

mar

medicina

medicina natural

mistérios

monumentos

música

natureza

oceanos

palácios

peixes

pensamentos

pessoas célebres

poemas

poetas

religião

relíquias

rios

saúde

superstições

tecnologias

tradições

transportes

turismo

união europeia

todas as tags