Sexta-feira, 13 de Maio de 2005

O Barómetro

Recordando...

O Barómetro

Todos nós sabemos o que é o ar:  é aquele conjunto de gases que envolve a Terra com uma espessura de muitos quilómetros, e que é indispensável à nossa vida. O ar também tem um peso, como qualquer outro corpo sólido ou líquido, e exerce sobre a Terra uma força chamada pressão. Ou melhor, para sermos mais precisos, é chamada pressão atmosférica, porque atmosfera é a denominação que recebe a camada de ar que circunda a Terra.

A pressão do ar pode ser medida, e o instrumento que serve para tal fim chama-se barómetro. O primeiro barómetro foi construído por Evangelista Torriceli, de Faenza (1608-1647), discípulo do grande cientista Galileu Galilei. Torricelli encheu completamente de mercúrio um tubo de vidro de cerca de um metro de altura, fechado numa extremidade. Depois, tapando o bocal com um dedo, voltou o tubo para baixo, mergulhando-o numa bacia larga e baixa, que também continha mercúrio. Retirando o dedo, Torricelli viu que o mercúrio não saia completamente, mas permanecia em grande parte no tubo, numa altura de cerca de 76 cm, isto porque a pressão exercida pela atmosfera sobre o mercúrio, na bacia, era igual ao peso da coluna de 76 cm contido no tubo. Acabara de nascer o barómetro.

Este simples instrumento previne-nos de qualquer mudança de pressão. De facto, o peso do ar não é constante. Se, por exemplo, subirmos a uma montanha, a coluna de ar que está sobre nós diminui, e, então, o seu peso é menor; o mercúrio contido no tubo do barómetro então baixará, até que seu peso seja igual ao diminuto peso do ar.

O peso do ar varia também em relação à humidade, às correntes de ar, a cada mudança verificada na atmosfera. Por esta razão, do abaixamento e do levantamento do mercúrio do barómetro, podemos prever as mudanças do tempo.

Hoje, são construídos barómetros bem mais práticos do que aquele de Torricelli, mas o simplicíssimo instrumento do cientista de Faenza é, ainda, usado profusamente e é o mais preciso.

Fonte: http://members.tripod.com/~netopedia/diversos/barome.htm

Publicado por: Praia da Claridade às 00:17
Link do post | comentar

FILIPE FREITAS

Pesquisar neste blog

 

Os 50 Artigos mais Recentes

Batalha da Roliça

Revolução dos Cravos

Massacre de Lisboa de 150...

O Alasca foi vendido

Páscoa: este ano é muito ...

Feliz Dia de São Valentim...

Padre António Vieira

Centenário do Regicídio d...

Descoberta da Vacina

Daguerreótipo

Feliz Ano de 2008 !

Lua Azul

Fossa das Marianas

Flor-do-Natal

Calçada da Fama

Beatriz Costa

Frank Sinatra

Tubarão-touro

Miguel de Vasconcelos

Restauração da Independên...

Egas Moniz

Maiores campos de gelo e ...

Tumba de Herodes

A Bela Adormecida na Figu...

Bola de ténis

Qual a cidade mais fria d...

Tautologia

O maior grupo de lagos de...

Macaronésia

Chuva de estrelas

Erupções vulcânicas

Lenda de São Martinho

Mário Viegas

Muro de Berlim

Libelinha

Castanhas

Falha de Santo André

Quinze anos ao telemóvel

Fotografia Aérea com Papa...

Chuva de animais

Pseudo-fruto

Elevador da Glória

1.º avião do mundo

Maçã

Funicular

Amistad

Turbante

O primeiro satélite artif...

José Hermano Saraiva

Masseiras

Arquivos Mensais

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Temas

acidentes

açores

actores

alimentação

ambiente

animais

arquitectura

artes

astrologia

astronáutica

astronomia

aves

aviação

brasil

cantinhos de portugal

cantores

capitais

ciências ocultas

civilizações

crustáceos

culinária

curiosidades

desportos

electrónica

energia

fenómenos

festividades

figueira da foz

filosofia

geografia

guerra

história de portugal

história mundial

humor

informática

insectos

lazer

lisboa

literatura

locais sagrados

madeira

máquinas

mar

medicina

medicina natural

mistérios

monumentos

música

natureza

oceanos

palácios

peixes

pensamentos

pessoas célebres

poemas

poetas

religião

relíquias

rios

saúde

superstições

tecnologias

tradições

transportes

turismo

união europeia

todas as tags