Quarta-feira, 8 de Fevereiro de 2006

O NRP Sagres

NRP Sagres
NRP Sagres - Navio-Escola da Marinha Portuguesa




O NRP Sagres é o principal navio-escola da Marinha Portuguesa. É também o navio desta Marinha mais famoso internacionalmente. Tem como missão básica permitir o treino e o contacto com a vida no mar aos alunos da Escola Naval, futuros oficiais da Marinha Portuguesa. Como missão complementar o NRP Sagres  é usado na representação nacional e internacional da Marinha e de Portugal.

A Escola Naval é um estabelecimento de ensino superior universitário destinado a formar os Oficiais dos quadros permanentes da Marinha Portuguesa. A Escola Naval tem 250 alunos, ensinados por cerca de 70 professores universitários militares e civis.

A Escola Naval vai buscar as suas origens remotas à mítica Escola de Sagres, criada pelo Infante D. Henrique e à Aula do Cosmógrafo Mor fundada em 1559 sob orientação do matemático Pedro Nunes.

A actual Escola Naval foi fundada em 1782 com a denominação de Academia Real dos Guardas Marinhas, instalando-se no Terreiro do Paço, em Lisboa. Esta academia tinha como função, formar os oficiais da Armada Real.

O actual NRP Sagres (Sagres III)  é o terceiro navio com este nome a desempenhar funções de instrução náutica na Marinha Portuguesa. Foi construído nos estaleiros de Hamburgo em 1937, como navio-escola da Marinha Alemã, sendo chamado Albert Leo Schlageter. No final da II Guerra Mundial, o navio foi capturado pelas forças dos Estados Unidos, sendo em 1948 cedido à Marinha Brasileira. No Brasil foi baptizado de Guanabara, servindo como navio-escola até 1961, data em que foi adquirido por Portugal para ser usado em substituição do então NRP Sagres (Sagres II). O navio recebeu o mesmo nome do antecessor, entrando ao serviço da Marinha Portuguesa em  8 de Fevereiro de 1962.

Por vezes, o NRP Sagres é erradamente referido como Sagres II,  já que este é o terceiro navio-escola com o mesmo nome. Na realidade, o primeiro foi uma corveta em madeira, construída em 1858 na Inglaterra. Fundeada no rio Douro serviu como navio-escola para alunos marinheiros, entre 1882 e 1898.
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Publicado por: Praia da Claridade às 00:06
Link do post | comentar
5 comentários:
De Anónimo a 9 de Fevereiro de 2006 às 22:42
Olá o navio escola me faz recordar três meses que passei no mar, na verdade tive uma férias que estive 3 meses no mar foram as férias grandes todas, fartei-me de jogar as cartas aliás foi a unica altura que joguei, (pois não gosto de jogar). O mar é uma coisa muito bonita e é engraçado durante a noite tenho muito medo do mar, não consigo tomar banho no mar a noite.
Bem falei demais de mim e pouco da Sagres.
Boa noite
Aldoraaldora
(http://gatinhosvoadores.blogspot.com)
(mailto:aldoramira@sapo.pt)


De Anónimo a 9 de Fevereiro de 2006 às 16:51
Ólá Filipe mais uma vez,para falar da beleza da nossa Marinha que e o" Navio Escola Sagres"pois a beleza das belas,o seu porte,no Mar sem fim é lindo,pois eu tenho uma Paixão que será o Mar,e algo que não sei explicar pela sua beleza,pois se hoje eu tivesse 20 anos seria Marinheiro,mas não sei de que vem a paixão talvez por ser de uma terra de Mar,embora esteja um pouco distante dele,mas sempre que posso aí vou eu ve-lo,gosto de ver as suas ondas até no inverno pois e de grande fascínio,não há palavras,como Deus pode ser tão grande para dar tanta beleza e por vezes o Homem estraga-la,poderia toda a gente penssar um pouco,para preservar a Natureza.Beijo ElisaMaria Elisa
</a>
(mailto:mariaelisaramos@sapo.pt)


De Anónimo a 8 de Fevereiro de 2006 às 22:28
Que linda a nossa Sagres a lembrar-nos que já fomos grandes nos mares. Marinha - Mar - Azul- um conjunto que se no meu tempo existisse, teria gostado de seguir.jo
(http://ecosdotempo.blogs.sapo.pt)
(mailto:mjoaojara@sapo.pt)


De Anónimo a 8 de Fevereiro de 2006 às 19:29
Como é bonito ver o navio escola Sagres quando chega a qualquer porto! Aprende-se sempre qualquer coisa de interessante ao vir ao teu blog. É uma lufada de ar fresco neste mundo dos blogs em que há tantos tão ocos e outros tão pouco decentes... Luisa
(http://ecosdotempo.blogs.sapo.pt)
(mailto:luisa34@netcabo.pt)


De Anónimo a 8 de Fevereiro de 2006 às 15:06
Sim senhor ora aqui está um registo jeitoso que fala na nossa Marinha Portuguesa. Gostei de ler apenas tenho pena de ter de ser sempre a correr , ñ dando assim tempo para ler com maio pormenor os seus artigos, gostei de ver e estou curioso em relação a outros artigos. Um abraço bem grande e um conselho para si (continue sempre com o seu blog, pois é uma pequena escola para mnim e para muitos). Um abraço Nuno Pereira (tikito).TIKITO
</a>
(mailto:tikito22@gmail.com)


Comentar Artigo

FILIPE FREITAS

Pesquisar neste blog

 

Os 50 Artigos mais Recentes

Batalha da Roliça

Revolução dos Cravos

Massacre de Lisboa de 150...

O Alasca foi vendido

Páscoa: este ano é muito ...

Feliz Dia de São Valentim...

Padre António Vieira

Centenário do Regicídio d...

Descoberta da Vacina

Daguerreótipo

Feliz Ano de 2008 !

Lua Azul

Fossa das Marianas

Flor-do-Natal

Calçada da Fama

Beatriz Costa

Frank Sinatra

Tubarão-touro

Miguel de Vasconcelos

Restauração da Independên...

Egas Moniz

Maiores campos de gelo e ...

Tumba de Herodes

A Bela Adormecida na Figu...

Bola de ténis

Qual a cidade mais fria d...

Tautologia

O maior grupo de lagos de...

Macaronésia

Chuva de estrelas

Erupções vulcânicas

Lenda de São Martinho

Mário Viegas

Muro de Berlim

Libelinha

Castanhas

Falha de Santo André

Quinze anos ao telemóvel

Fotografia Aérea com Papa...

Chuva de animais

Pseudo-fruto

Elevador da Glória

1.º avião do mundo

Maçã

Funicular

Amistad

Turbante

O primeiro satélite artif...

José Hermano Saraiva

Masseiras

Arquivos Mensais

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Temas

acidentes

açores

actores

alimentação

ambiente

animais

arquitectura

artes

astrologia

astronáutica

astronomia

aves

aviação

brasil

cantinhos de portugal

cantores

capitais

ciências ocultas

civilizações

crustáceos

culinária

curiosidades

desportos

electrónica

energia

fenómenos

festividades

figueira da foz

filosofia

geografia

guerra

história de portugal

história mundial

humor

informática

insectos

lazer

lisboa

literatura

locais sagrados

madeira

máquinas

mar

medicina

medicina natural

mistérios

monumentos

música

natureza

oceanos

palácios

peixes

pensamentos

pessoas célebres

poemas

poetas

religião

relíquias

rios

saúde

superstições

tecnologias

tradições

transportes

turismo

união europeia

todas as tags