Segunda-feira, 26 de Junho de 2006

A Água do Mar

 
MAR  ( Oceano Atlântico, junto à cidade da Figueira da Foz - Portugal )
 
 
 

Água do mar é a água de um mar ou de um oceano. Em média, a água do mar de todo o mundo tem uma salinidade de 35 (3,5%). Isto significa que para cada litro de água do mar há 35 gramas de sais dissolvidos (a maior parte é cloreto de sódio, NaCl). Esta água não é potável, devido à sua alta concentração de sais, que podem desidratar uma pessoa.
 
A água do mar não tem salinidade uniforme ao redor do globo. A água menos salina do planeta é a do Golfo da Finlândia, no Mar Báltico. O mar mais salino é o Mar Vermelho, no Médio Oriente, onde o calor aumenta a taxa de evaporação na superfície, e há pouca descarga fluvial.
 
 
A origem da salinidade do oceano
 
As teorias científicas para explicar as origens do sal marinho começaram com Edmond Halley, em 1715, que propôs que os sais e outros minerais foram transportados para o mar pelos rios, tendo sugado da terra por queda da chuva, "lavando"  as rochas. Ao alcançar os oceanos estes sais seriam retidos e concentrados pelo processo de evaporação que removem a água - ciclo hidrológico - (ciclo hidrológico é o nome que se dá ao movimento da água entre os continentes, oceanos e a atmosfera). Halley notou que do pequeno número de lagos no mundo que não têm saídas para o oceano (como o Mar Morto e o Mar Cáspio), a maioria têm alto teor de sais. Halley denominou este processo de "intemperismo continental". Intemperismo é um conjunto de fenómenos físicos e químicos que levam à transformação dos minerais e portanto das rochas.
 
A teoria de Halley estava correcta em parte. Em adição, o sódio foi sugado do fundo do oceano quando os oceanos se formaram. A presença dos outros elementos dominantes como cloreto, resultaram do escape de gases do interior da Terra (na forma de ácido clorídrico), por vulcões e fontes hidrotermais. O sódio e o cloreto então combinaram-se para formar o constituinte mais abundante da água do mar.
 
A salinidade do oceano tem ficado estável por milhões de anos, provavelmente como uma consequência de um sistema tectónico/químico que recicla o sal. Desde o surgimento do oceano, o sódio não é mais trazido do fundo do oceano, mais é capturado de camadas sedimentares que cobrem o leito do oceano. Uma teoria diz que a tectónica de placas faz com que o sal seja forçado para baixo das massas continentais, onde é lentamente sugado de volta à superfície.
 
 
Composição química
 
A ciência que estuda a composição química dos oceanos e as concentrações dos compostos na água do mar chama-se oceanografia química. A água do mar tem composição química quase constante. Há um pouco mais de 70 elementos dissolvidos na água do mar, mas apenas seis desses constituem mais de 90% dos sais dissolvidos; todos ocorrem como iões.
 
Os cientistas estudam principalmente os macronutrientes na água do mar (nitrogénio, fósforo e enxofre), já que são os mais importantes para a vida marinha, principalmente para as plantas, que são a base da produção primária. Mas os micronutrientes também são largamente estudados, uma vez que, devido às suas baixas concentrações, podem tornar-se limitantes para vários tipos de organismos marinhos.
 
 
Principais iões salinos da água do mar
 
-  Cloreto (Cl-):   55,04 %m  (%m significa percentagem em massa)
-  Sódio (Na+):   30,61 %m
-  Sulfato (SO42-):   7,68 %m
-  Magnésio (Mg2+):   3,69 %m
-  Cálcio (Ca2+):   1,16 %m
-  Potássio (K+):   1,10 %m
 
 
Gases dissolvidos na água do mar
 
A água do mar também contém pequenas quantidades de gases dissolvidos, principalmente nitrogénio, oxigénio e dióxido de carbono. A água, a uma dada temperatura e salinidade, está saturada com gás quando a quantidade de gás que se dissolve na água é igual à quantidade que sai ao mesmo tempo. A água do mar superficial está geralmente saturada com gases atmosféricos, como oxigénio e nitrogénio. A quantidade de gás que pode se dissolver na água do mar é determinada pela temperatura e salinidade da água. Aumentando-se a temperatura ou a salinidade reduz-se a quantidade de gás que pode ser dissolvido.
 
Uma vez que a água afunda para baixo da superfície oceânica (por exemplo, por se tornar mais densa pela evaporação), os gases dissolvidos não podem mais ser trocados com a atmosfera. A quantidade de gás num dado volume de água permanecerá inalterado, excepto pelo movimento das moléculas de gás através da água  -  difusão (processo lento), ou pela mistura da água com outras massas de água que contêm diferentes teores de gases dissolvidos.
 
Em geral, o nitrogénio e raros gases inertes (árgon, hélio, etc.) comportam-se dessa maneira  - as suas concentrações são conservativas e somente afectadas por processos físicos. Em contraste, alguns gases dissolvidos são não-conservativos e participam activamente em processos químicos e biológicos que modificam as suas concentrações. Exemplos são o oxigénio e o dióxido de carbono  -  libertados e usados a diversas taxas nos oceanos, especialmente pelos organismos.

-  Os oceanos (pela sua dimensão, mas também as massas de água continentais) têm um papel muito importante no equilíbrio do dióxido de carbono na atmosfera terrestre. Este gás têm a propriedade de reagir com os iões presentes na água para formar iões bicarbonato. Dessa maneira, quando há excesso de dióxido de carbono na atmosfera, ele é "absorvido" pela água que se torna um reservatório de carbono. Quando a biomassa vegetal na água aumenta (por exemplo, por aumento da temperatura ou dos nutrientes), aumenta também a necessidade de dióxido de carbono por essas plantas, para realizarem a fotossíntese  -  nessa altura, o bicarbonato pode "transformar-se" de novo em dióxido de carbono para repor o equilíbrio.
 
 
Aspectos culturais
 
Mesmo num navio ou ilha no meio do oceano pode haver falta de água, isto é, água doce. É um paradoxo, já que uma pessoa cercada de água pode morrer de sede. Muitas nações na África e no Médio Oriente com problemas hídricos aplicam hoje um processo caro, chamado "dessalinização", para obterem água potável a partir da água do mar. No futuro este processo pode tornar-se muito utilizado, dada a presente poluição intensa dos corpos de água continentais.
Fonte: Wikipédia 
 

 
"Ó Mar salgado... quanto do teu sal...
são lágrimas de Portugal..." 
Fernando Pessoa


 
Publicado por: Praia da Claridade às 00:20
Link do post | comentar
7 comentários:
De soaresesilva a 26 de Junho de 2006 às 13:53
Muito interessante e completo este artigo sobre o mar. Tenha ele o que tiver, o que os cientistas não podem analisar é a sua beleza imensa. Isso cabe aos artistas e aos poetas!


De Martuxa a 26 de Junho de 2006 às 16:56
O mar o mar
Tmb postei sobre o mar =P
Sorrisos e beijitos


De aldoramira a 26 de Junho de 2006 às 19:04
Que foto tão bonita. fico olhando o mar e ouvindo a musica se não a mudares fico sempre mais tempo para ouvir, ainda vou á postagem abaixo.
Nunca tinha pensado que havia tantos gazes no mar, só é pena não ser todo da mesma temperatura se fosse aqui com a temperatura do equador eu passava o dia dentro da agua até me nascerem guelras.
beijinho
Aldora


De Maria Elisa a 27 de Junho de 2006 às 18:18
Olá amigo Filipe!Sobre o Mar pelo seu explendor,só tenho a dizer belo;sobre toda esta lição de geografia,muito interesante,pois sempre foca coisas,que por vezes,não sabemos ou não lembramos dos tempos de escola,mesmo sobre isto dos gases,de muito interese sem dúvida.
Amigo Filipe beijinhos da amiga.
Maria Elisa.(nota gosto muito da Música)


De oteudoceolhar a 27 de Junho de 2006 às 20:28
Excelente fotografia Filipe...amei demais. Ou não fosse o mar e esse teu mar eu tb amo:). desculpa mas este artigo n vou conseguir ler todo hoje. Mais uma coisa é só impressão minha ou ainda n te ofereci o meu award? Falta imperdoável...é teu se quiseres seria uma honra vê-lo aqui na tua praia...


De Anónimo a 3 de Julho de 2006 às 17:00
"...para te cruzarmos, oh mar, quantas mães choraram..." Um dos meus poetas preferidos.
Uf, acabou o martírio, voltei à vida normal. Um abraço


De Nuno Pereira a 5 de Julho de 2006 às 13:00
Sr Filipe estive mesmo agora a ver as suas investigações e acredite que gostei mesmo muito do que li, sobre tudo os artigos sobre:
O Lago Baikal

A Popa de um navio

Evento de Tunguska

O Eléctrico

e ainda

A Água do Mar

Parabens e muita força para continuar a seguir em frente. Um grande abraço tikito.


Comentar Artigo

FILIPE FREITAS

Pesquisar neste blog

 

Figueira da Foz
PORTUGAL




Os meus outros cantinhos
Clique nas duas imagens:
 



  Clique na imagem seguinte
        para ver o vídeo do

    Mar da Figueira da Foz


       Fonte Luminosa
       Figueira da Foz

      
Video: Filipe Freitas



SELO da minha Praia
..... pode levá-lo .....




Músicas



PRAIA da CLARIDADE nasceu em:

30/Janeiro/2005

Os 50 Artigos mais Recentes

Batalha da Roliça

Revolução dos Cravos

Massacre de Lisboa de 150...

O Alasca foi vendido

Páscoa: este ano é muito ...

Feliz Dia de São Valentim...

Padre António Vieira

Centenário do Regicídio d...

Descoberta da Vacina

Daguerreótipo

Feliz Ano de 2008 !

Lua Azul

Fossa das Marianas

Flor-do-Natal

Calçada da Fama

Beatriz Costa

Frank Sinatra

Tubarão-touro

Miguel de Vasconcelos

Restauração da Independên...

Egas Moniz

Maiores campos de gelo e ...

Tumba de Herodes

A Bela Adormecida na Figu...

Bola de ténis

Qual a cidade mais fria d...

Tautologia

O maior grupo de lagos de...

Macaronésia

Chuva de estrelas

Erupções vulcânicas

Lenda de São Martinho

Mário Viegas

Muro de Berlim

Libelinha

Castanhas

Falha de Santo André

Quinze anos ao telemóvel

Fotografia Aérea com Papa...

Chuva de animais

Pseudo-fruto

Elevador da Glória

1.º avião do mundo

Maçã

Funicular

Amistad

Turbante

O primeiro satélite artif...

José Hermano Saraiva

Masseiras

Arquivos Mensais

Agosto 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Temas

acidentes

açores

actores

alimentação

ambiente

animais

arquitectura

artes

astrologia

astronáutica

astronomia

aves

aviação

brasil

cantinhos de portugal

cantores

capitais

ciências ocultas

civilizações

crustáceos

culinária

curiosidades

desportos

electrónica

energia

fenómenos

festividades

figueira da foz

filosofia

geografia

guerra

história de portugal

história mundial

humor

informática

insectos

lazer

lisboa

literatura

locais sagrados

madeira

máquinas

mar

medicina

medicina natural

mistérios

monumentos

música

natureza

oceanos

palácios

peixes

pensamentos

pessoas célebres

poemas

poetas

religião

relíquias

rios

saúde

superstições

tecnologias

tradições

transportes

turismo

união europeia

todas as tags

Hora e Temperatura locais (clique, veja a sua zona)

Click for Coimbra, Portugal Forecast

........ Anjo da Paz ........

Anjo da PAZ

Blogues Amigos



À Beira Mar


A Iluminura


A Magia das Palavras


A Papoila


A Serpente Emplumada


Acerca do Mundo


Amicus Ficaria


Ana Luar


Arodla 2006


As the world turns


Barão da Tróia


Bella Mistura


Bióloga Poetisa


Blog da Berenice


Blog da Dalva


Blog das Trevas


Blogamizade


Blog Blogs SAPO


Boanova


Cantinho da Florinda


Cantinho da TiBéu


Canto da Conchita


Chica Ilhéu - Açores


Chuviscos


Cidália Santos


Competências


Confraria das Bifanas


Continua a Sorrir


Dador de Madula Óssea


Deixa-me !...


Doença de Parkinson


Domínio dos Anjos


Dreamers of the Night


Ecos do Tempo


Escrevinhando com o Coração


Eterna Parte de Mim


Evasões Bárbaras


Ex-Improviso


Fadinha Arodla


Fallen Angel - Marisocas


Fátima Cidade de Acolhimento


Floresta de Lórien


FLP - Aloé Vera


Formas & Meios


Formiguinha Atómica


Gatinhos Voadores


Ideias e Ideais - Terceira


Isis


Janela Aberta


José Lessa


Lua e Estrela


Mar y Sol


Menina Marota


Momentos a Dois


Mudar o Template


Noites do Amanhecer


O Atónito


O Estrelado


O PALHETAS -Figueira da Foz-


O Sal da Nossa Pele


O Sino da Aldeia


O Teu Doce Olhar


Paraquedista


Paredes de Coura


Parkinson Campinas


PAVANN


Por Terras do Rei Wamba


Princesa do Mar


Putoreguila


Quinto Poder


Rumo ao Sul


Sabor Latino


Sabor da Cozinha


Segunda Vida


Sem Imaginação


Sentimentos


Som & Tom


Sombreiro


Terena, vila Alentejana


Uma caracol falante


Virtual Realidade






Utilitários



FIGUEIRA DA FOZ
on-line

O seu browser não suporta flash. Necessita instalar o "plug-in".



Meteorologia




Portal dos Sites